domingo, 19 de junho de 2011

Coração machucado

Pra falar de dor... sabe, aquela que machuca bem fundo? Que dói só de imaginar?
A dor de dentro fere mais... Porque não tem curativo, não tem remédio. Não dá pra mãe dar um beijinho e dizer que passou. Ela fica ali, latejando.
E transborda pelos olhos. Traz os soluços e aquela sensação de que nada no mundo machuca mais. De que nunca mais vai passar.
O coração tá doendo agora, e nada pode ser feito. A escrita e o choro é um tipo de anestésico temporário. Mas amanhã vai doer de novo. E depois de amanhã também.
Já teve dor no coração? É triste. É sofrido. Ela ocupa um espaço gigante na vida. Faz sombra. E frio.
Dizem que o tempo cura... só que demora um pouco. É como um remédio homeopático, tem que acreditar e ter paciência.
E a gente insiste em colocar a saúde do coração em perigo. Sabe que pode machucar, mas mesmo assim, vamos em frente. Melhor cuidar com mais carinho, afinal a dor é só a gente que sente.
É um dos poucos casos que a automedicação é a melhor saída. Entregar o coração machucado em outras mãos pode fazer mal... Cuida você dele. Esquece os outros. O coração é seu. 
Nós que sofremos, ninguém mais. É insensato pensar que uma outra alma pode curar uma dor que é sua. Pode mascarar os sintomas, como um antibiótico vencido. Mas logo volta, e pior.
Coloca o coração em repouso uns tempos. Se está debilitado precisa de cuidados especiais. Cuida dele até a total recuperação. Interromper qualquer tratamento pode ser perigoso.
Ah, e tenta não machucar ninguém. Dói, sabe? Dói bastante... 
Claro que pode se ferir novamente. Apesar da dor, é o que nos faz sentir vivos. Mas por um tempo é bom dedicar carinho só para o próprio coração, pra cuidar melhor, e não sentir mais aquela pontada ao suspirar.
Cuida. Cuide-se. E vai passar, tenho certeza. Vai passar.

3 comentários:

  1. Obrigada, Fer... MUITO obrigada grilinho falante da minha vida.

    ResponderExcluir
  2. É Fer, obrigada é a palavra. Como é? não adianta entregá-lo machucado, não é mesmo? Como sempre, palavras muito bem escolhidas.

    ResponderExcluir
  3. Ameiii, sem cuidar do nosso próprio coração não tem como entregá-lo para ninguém, lindo Fer, bjocas

    ResponderExcluir