segunda-feira, 30 de maio de 2011

Pronta

Estou pronta.
Para viver o que não se vive. Pronta para as abstrações.
Para dizer o indizível. Escrever o indescritível.
Pronta para voar pelas paredes.
Para respirar a falta de ar.
E escutar o silêncio.
Estou pronta para gritar no quarto vazio.
Pintar na tela as cores do branco e preto.
Para afundar em uma poça... Para chamar o que não existe.
Pronta para chorar sem lágrimas.
Para sofrer sem dor.
E ouvir a mudez do sussurro.
Pronta para a alegria sem sorriso.
Para as transgressões dentro da lei... E para as regras proibidas.
Pronta para fazer bater o coração sem artérias.
Para as palavras sem letras.
E para a felicidade oculta.
Máscaras.
Pronta. Para ver o invisível. Para sentir o não tocável.
Pronta para sentir. O não permitido...
Estou pronta.

3 comentários:

  1. Pronta! Na vida não temos tempo para ficarmos em cima do muro. É fundamental estarmos prontas (os) para viver cada fração de segundo! Vai fundo, não olhe pra trás e lembre-se: Se for, vai assim, não troca de roupa.

    ResponderExcluir
  2. É necessário sempre estar pronta, pronta para recomeçar a cada novo dia...

    ResponderExcluir